Newsletters






Estação Arqueológica de Perrelos Imprimir
perrelos_1.jpgperrelos.jpgA Estacão Arqueológica de Perrelos. Delaes, abrange toda uma zona cujo centro pode ser tornado pelo marco geodésico de S.Mliguel (Altitude 291m) e se estende pontuairnente até à cota dos 200 m. Administrativamente pertence às freguesias de Ruivães e Delães. Concelho de Vila Nova de Famalicão, Distrito de Braga. Engloba, até à data, uma necrópole medieval, parcialmente escavada, urna villa romana, com investigação em curso, e um povoado da Idade de Ferro com possível ocupação anterior.
A sua descoberta resultou de um estudo de geo-resitividade que se enquadrava no projecto da Carta Arqueológica do Concelho. Escavações de emergência  realizada entre 1994 e 1996. permitiram por a descoberto um núcleo de 54 sepulturas. Estas, caracterizam-se por estarem cobertas por grandes lajes e a caixa sepulcral ser ou directamente escavada na rocha de forma antropomórfica, ou delimitada por pedras em granito, apresentando urna forma que varia entre o rectangular trapezoidal e antropomórfico. A sua tipologia permite data-las do séc. IX ao XIII.
Paralelamente às escavações foram realizadas, pelo  Instituto de Antropologia de Coimbra, estudos ao espólio osteológico que revelaram dados importantes para o estudo desta necrópole.
Para além dos vestígios sepulcrais, foi possível detectar alguns muros que pareceram pertencer a um templo romântico, cuja planta se desenvolve em direcção a um terreno contíguo para onde de futuro se pretende alargar a investigação. De salientar que algumas fontes referem que teria sido neste local fundado o primitivo mosteiro de Santa Maria de Oliveira.